Então, meu filho, ouça-me; dê atenção às minhas palavras. Não deixe que o seu coração se volte para os caminhos dela, nem se perca em tais veredas. Muitas foram as suas vítimas; os que matou são uma grande multidão. A casa dela é um caminho que desce para a sepultura, para as moradas da morte.

Provérbios 7:24‭-‬27

[Ref.: Sl 1.1-3 / Pv 6.20-35; 7 / Mt 6.13; 26.41 / Gl 5.16-17 / 1 Ts 5.22]

Ser abordado por tentações não é algo raro, nem incomum na vida de um cristão, muito pelo contrário, elas podem vir maqueadas de diversas maneiras, com o intuito de influenciar nossos pensamentos para nos convencer, de modo sagaz e persuasivo, a cometer qualquer ato que não apenas nos prejudique, mas que, acima de tudo, nos faça ir contra a boa, agradável e perfeita vontade de Deus para e sobre nós.

Satanás não lança a tentação como ela é, nua e crua, ela vem como o embrulho de um presente esperado (podendo ser qualquer oportunidade conveniente e aparentemente irresistível para nós), se necessário ele certamente tirará algumas verdades de contexto e trará citações isoladas, com questionamentos e “afirmações” rasas para nos confundir e convencer a fazer algo que nos leve a pecar. Tome como exemplo rápido, dois casos distintos porém muito no conhecidos:

  • A Queda do homem através de Adão e Eva ao serem ludibriados pela serpente e desobedecerem a ordem divina. (Gn 3)
  • O adultério e homicídio executados pelo rei Davi. (2 Sm 11-12)

Houve arrependimento depois? Sim, houve, mas, para encerrar, fica aqui uma lição para nós de como resistir as tentações, com o auxílio de dois outros exemplos:

  • José no Egito, que resistiu a sedução da esposa de Potifar (Gn 39.7-12) e
  • O próprio Cristo, Jesus no deserto, ao citar as sagradas escrituras para quebrar cada argumento ligado as 3 tentações apresentadas pelo Diabo (Mt 4.1-11);

Nós, como servos e filhos do Senhor, em Cristo Jesus, devemos por amor e temor a Ele, diariamente, nos mantermos firmes na Palavra, resistindo a toda e qualquer cilada do inimigo em nossas vidas.

Além disso, usem o escudo da fé, com o qual vocês poderão apagar todas as setas inflamadas do Maligno. Usem o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus

Efésios 6. 16-17.