Exemplo de vida – Parte 1

1 Coríntios: 8. 13. Portanto, se aquilo que eu como leva o meu irmão a pecar, nunca mais comerei carne, para não fazer meu irmão tropeçar.

1 Pedro: 5. 2. Pastoreiem o rebanho de Deus que está aos seus cuidados. Olhem por ele, não por obrigação, mas de livre vontade, como Deus quer. Não façam isso por ganância, mas com o desejo de servir. 3. Não ajam como dominadores dos que lhes foram confiados, mas como exemplos para o rebanho. 4. Quando se manifestar o Supremo Pastor, vocês receberão a imperecível coroa da glória.

[Ref.: Sl 1.1-3 / Mt 16.24 / Rm 12.1-2 / 1 Co 8; 10.12-13; 11.1 / 2 Co 4.17-18 / Gl 5.15-26; 6 / 2 Tm 2.15-16 / Hb 12.1-3 / Tg 4.7-10 1 Pe 1.14-16; 5.2-4]

A caminhada em uma vida cristã não se limita apenas ao arrependimento, salvação e mudança de caráter, ela se dá também na luta diária para manter um caráter integro, resistir ao pecado, vigiar nossos passos, negar à nos mesmos e seguirmos nosso mestre Jesus.

E não para por ai, à consequência natural e gradual disso é a gratificante, honrosa, porém árdua tarefa de ser exemplo de vida e respeito ao próximo. Ser referência aos que convivem conosco, pode não ser e em muitos casos não será uma tarefa fácil, mas Deus honra nossos esforços​ e os resultados poderão ser agradaveis dependendo, é claro, de nossa atitudes e de quem nos segue.

Ser exemplo é também evitar:

– Assumir pubilcamente compromissos e práticas que contestam sua confissão de fé só para agradar à terceiros ;
– Comportamentos contrários aos que pregamos;
– Cobrar de outros atitudes corretas que são visivelmente inexistente em nós;
– Atitudes que além de contradizer o evangelho de Cristo, ainda escandalizam irmãos na fé, podendo até os confundir e desviar dos caminhos do Senhor Jesus.

Por fim, apesar de ser uma tremenda de uma responsabilidade, vale a pena o esforço.

Letra da música: https://letras.mus.br/casting-crowns/1062859/